O que é Psoríase

por | outubro 20, 2018

Muitas pessoas passam por momentos de profunda ansiedade e estresse e notam que aparecem marcas na pele, mas muitas vezes não se dão conta do que é. Se você notar essas pequenas alterações pode se tratar da psoríase.

A psoríase é uma doença relativamente comum, trata-se de uma descamação da pele, de tons avermelhados e que pode ocorrer em qualquer pessoa.

Alguns médicos ainda não sabem a causa ou a origem da doença, mas sabe-se que pode estar ligada à baixa imunidade e também predisposição genética. Muitas pessoas afirmam que a psoríase tem origem no estresse e está diretamente ligado à saúde emocional, é a manifestação de um estresse elevado ou momento de tensão.

Características da psoríase

Segundo o dicionário, psoríase é “doença cutânea com um componente hereditário, caracterizada pela erupção de placas eritematosas cobertas de escamas esbranquiçadas ou nacaradas, mais freq. nos membros e no couro cabeludo”.

As principais características da doença são essas:

  • Rompimento cutâneo
  • Descamação da pele
  • Fissuras nas mãos e pés
  • Aparecimento em joelhos, cotovelos e couro cabeludo

Para diagnosticar como psoríase é necessário um exame e a análise do histórico familiar, o médico deverá pedir um exame que seja capaz de observar as características da pele, bem como conciliar todas as informações até que se chegue em um consenso.

Sintomas da psoriase

 Os sintomas são basicamente os citados acima, mas em alguns casos a psoríase surge mais severa podendo haver a manifestação de pus.

Algumas pessoas apresentam as manchas em regiões do corpo como: tronco, braços e coxas, mas normalmente surge mesmo nas dobras e articulações (joelhos, cotovelos e couro cabeludo).

As escamações possuem cor prateada ou esbranquiçada, o ressecamento é inevitável, por isso, é sempre bom tomar cuidados redobrados para que não haja sangramento e ainda mais lesões no local.

Tratamento contra a psoriase

É importante lembrar que a psoríase é uma doença que não tem cura, mas tem tratamento. Ela pode aparecer novamente, mas é fundamental fazer o tratamento proposto pelo médico para evitar que surja novamente ou que surja de maneira mais leve.

O tratamento basicamente está associado ao uso de medicamentos, que pode ser via oral ou através de pomadas que são aplicadas diretamente nas feridas. Outra forma de aliviar a doença é através do banho de sol, e esse deve ser feito diariamente, mas é sempre bom ressaltar que esta forma deve ser sob orientação médica especializada.

Cada caso é um caso e cada paciente necessita de cuidados específicos, por isso, o médico recomendará a quantidade exata de tempo que o paciente deve se expor ao sol e quais os melhores horários.

A hidratação da pele é indispensável, pois com o ressecamento se faz necessário utilizar algum medicamento para diminuir esse efeito.

Procure um médico logo que notar algum sintoma e não hesite em realizar o tratamento, mesmo sabendo que a doença não tem cura é importante seguir as orientações medicas para que os sintomas sejam amenizados e haja mais qualidade de vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *