Doenças

Acidente vascular encefálico: conceito, tipos de AVE, prevenção

O acidente vascular cerebral (AVC) ou acidente vascular encefálico (AVE), conforme a nova nomenclatura, é uma doença isquêmica que afeta o sistema nervoso central. Por ser uma doença isquêmica, o AVC faz parte das patologias do sistema vascular, mais especificamente das artérias.

O mecanismo por trás do acidente vascular cerebral, é o mesmo do infarto agudo do miocárdio (IAM), infarto renal (IR) e infarto intestinal, ou seja: devido à uma obstrução nos vasos que irrigam o cérebro, o tecido nervoso para de receber oxigênio e nutrientes e fica impossibilitado de eliminar gás carbônico e catabólitos e acaba entrando em falência e morrendo. Todos sabemos que a consequência da morte do tecido cerebral, dependendo da região afetada, pode ser incompatível com a vida, por exemplo, um AVC que atinja o tronco cerebral, afetará o centro respiratório e a pessoa não conseguirá respirar sem o auxílio de aparelhos.

Geralmente, são as pessoas com idade mais avançada, homens acima dos 55 anos de idade e mulheres acima dos 65 anos que formam o principal grupo de risco para o surgimento de um acidente vascular cerebral, isso porque nessa idade, as pessoas já conseguiram adquirir as principais causas primárias que têm como desfecho final o AVC.

 

Existem dois tipos de Acidente Vascular Encefálico:

AVC isquêmico: aquele que acontece quando a artéria entope e todos os tecidos a frente do local da obstrução ficam sem receber gases e nutrientes.

AVC hemorrágico: Quando uma artéria previamente doente, com sua parede fraca ou delgada, se rompe e derrama sangue no tecido, evitando que tudo a frente fique sem suprimento sanguíneo. Além disso, o AVC hemorrágico pode ocasionar hipertensão intra craniana (HIC), o que pode levar a pessoa ao óbito subitamente.

DICA: Se você mora com pessoas que façam parte dos grupos de risco apresentado, tenha sempre em casa comprimidos de AAS, pois na suspeita de um AVC, você pode ministra-los a esta pessoa (2 comprimidos), aumentando as chances de uma reversão do quadro. Converse com seu médico sobre isso!

Por isso, ressaltamos que a melhor forma de se evitar doenças é através da prevenção!

 

Como prevenir o acidente vascular cerebral?

A prevenção do AVC é a longo prazo e deve ser feita antes que placas de gordura, as placas ateroscleróticas, se formem no interior das artérias. Para isso, é necessário seguir algumas regras no dia a dia, durante toda a sua vida. As principais estão listadas abaixo:

Alimentar-se com qualidade. Uma dieta balanceada e elaborada mediante suas necessidades energéticas é o ideal.

Praticar atividades físicas regularmente, que além de garantir que você queime o excesso de energia ingerida, lhe proporciona bem-estar e MAIS ENERGIA!

Não fumar.

– Não abusar do consumo de bebidas alcoólicas, sendo o ideal, não ingeri-las.

– Controlar a pressão arterial e se for hipertensa(o), tratar-se.

Click para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir