Dicas para você construir seu curriculum vitae de A a Z: conquiste sua vaga no mercado de trabalho

por | julho 3, 2018

Elabore seu curriculum e conquiste sua vaga de emprego

O curriculum vitae, é o seu cartão de visita quando está a procura de um emprego no mercado de trabalho. Sendo assim, um curriculum vitae bem apresentado, claro e objetivo, que transmita quem você é, é o primeiro passo para o sucesso profissional.

 

1. Mais o que é um curriculum vitae? É o documento que relata a sua trajetória pessoal, acadêmica e profissional que seja relevante na hora de concorrer a uma vaga no mercado de trabalho.

 

2. O que eu devo colocar em um curriculum vitae? O conteúdo de seu CV, assim chamado no mundo empresarial deve conter:

 

a) Sua identificação pessoal

– Nome completo

– Idade

– Estado civil

– Endereço de correspondência

– Telefone para contato

– Endereço eletrônico (e-mail)

 

b) Sua formação acadêmica

– Pós-doutorado

– Doutorado

– Mestrado

– Especialização (pós-graduação e MBA)

– Graduação

– Formação técnica

– Ensino médio (antigo segundo grau)

 

PS01.: Relate as mais recentes primeiro e coloque datas, isso é importante para mostrar se você é uma pessoa que procura sempre se atualizar.

PS02.: Sempre cite a instituição de ensino em que estudou.

 

c) Formação complementar

Neste item, relate todos os cursos que fez e que não se enquadre em formação acadêmica, ou seja, aqueles que fez em empresas profissionalizantes, minicursos que participou na época da faculdade, workshops, etc. Sempre inclua a data e a instituição de ensino, empresa ou profissional liberal que ofereceu o curso ou treinamento.

 

d) Atualização profissional

Este item é muito importante e valorizado! Nele você deve listar todos os eventos que participou, entre eles palestras, congressos, seminários, jornadas, encontros, etc, colocando sempre a data, o nome e a instituição organizadora. Mesmo que você participe de um evento promovido pela sua própria empresa, lembre-se de pedir uma declaração de participação contendo o nome do evento, período e carga horária, assim, você pode lista-lo em seu curriculum vitae depois.

 

e) Atuação profissional

Aqui você vai listar todas as experiências profissionais que teve, remuneradas ou não. Você deve incluir o nome da empresa, o período em que ficou empregado, seu cargo e uma breve descrição, com no máximo quatro linhas sobre a experiência associada a este emprego. Vale colocar trabalhos em empresas júnior, extensões e projetos universitários, consultorias, etc, desde que você tenha como provar o vínculo institucional e que seja relevante.

 

PS01: Coloque no máximo cinco empregos, pois é cansativo ler toda a trajetória profissional de alguém, ainda mais se a pessoa for muito vaidosa.

PS02: Se você nunca trabalhou, invista em sua vida acadêmica e coloque tudo aqui.

 

e) Idiomas

Hoje este é um item fundamental no curriculum. Liste o(s) idioma(s), que fala e qual é o seu nível em relação a ele. Caso tenha feito algum curso, liste-o também, bem como certificações internacionais.

 

f) Informações relevantes

Aqui você pode colocar quaisquer outras informações que julgue relevante e que não caiba nos itens acima, como por exemplo algum título que recebeu, artigos ou trabalhos publicados ou apresentados em congressos, revistas, prêmios recebidos na escola, alguma atividade especial que desenvolveu sozinha como: programação, desenvolvimento web, expert em Excel, etc.

 

3. Como eu devo elaborar meu curriculum vitae? O que eu posso e não posso fazer?

 

a) Use sempre fonte Times New Roman, tamanho 12 (é mais agradável aos olhos).

b) Faça um curriculum vitae monocromático, ou seja, use apenas um tom de cor, preto de preferencia.

c) Coloque suas informações pessoais no topo do curriculum e valorize o seu nome, colocando-o em letra maiúscula e em negrito.

d) Enumere os itens descritos acima, sempre em negrito e o conteúdo de cada tópico em pontos, um em cada linha. Nunca transforme seu curriculum vitae em um texto.

e) Seja objetiva, não fique contando historinhas.

f) Não faça um curriculum vitae muito grande, duas folhas é o suficiente para início de carreira. Caso contrário, o analista de recursos humanos vai ficar com preguiça de ler seu curriculum. É verdade!

g) Não invente nada! Tudo que você colocar no seu curriculum vitae deve ser comprovado por você.

h) A menos que a empresa para qual você vai enviar o curriculum vitae exija, não coloque foto.

i) Imprima o curriculum em papel reciclado, isso mostra que você está preocupada com o meio ambiente e quando for envia-lo, coloque-o em uma pasta de plástico daquelas que possuem uma canaleta na lateral.

j) Se você for enviar o seu curriculum vitae por e-mail, converta-o em arquivo .pdf, assim você evita que ele chegue desconfigurado ou que alguém altere seus dados sem sua autorização.

 

Últimas dicas:

– Caso você pretenda ocupar um cargo específico em uma empresa, insira no seu curriculum vitae, o tópico vaga pretendida e com poucas palavra, justifique isso.

– Se ainda é acadêmica ou acabou de se formar, valorize sua vida acadêmica, listando tudo que fez na época de faculdade, vale até colocar as disciplinas optativas que estudou no campo formação complementar.

– Existe uma plataforma virtual para gerenciamento de curriculum que se chama Plataforma Lattes. Caso você possua um bom desempenho acadêmico, produziu muito, pretende seguir na carreira da docência, ou simplesmente que valorizar ainda mais a sua carreira, vale a pena inserir seu curriculum lá. É relativamente simples e o resultado é muito bom. Acesse o endereço eletrônico lattes.cnpq.br , para maiores informações.

{fcommen}

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *